Não vamos deixar esse tesouro ir para o fundo do mar

regata_joao_das_botas_2015_featured

43ª Regata João das Botas

| 0 comentários

A 43ª edição da regata mais tradicional da Bahia, a João das Botas, terá início às 13 horas deste domingo, 25 de janeiro, no Porto da Barra.

Participam da regata saveiros de vela de içar, saveiros de vela de pena, catraias e canoas.

Organizada pelo Comando do 2º Distrito Naval, através da Capitania dos Portos da Bahia (CPBA), com patrocínio da Braskem e apoio da Associação Viva Saveiro, Clube dos Saveiros da Ilha de Itaparica, Yacht Clube da Bahia e jornal A Tarde, a regata larga do Porto da Barra, segue próximo a Ilha de Itaparica em direção à Cidade Baixa e volta ao ponto de partida.

Origem da Regata João das Botas

A ideia da regata surgiu em 1969, na despedida da escuna Santa Cruz – o saveiro Vera Cruz transformado –  de Lev Smarcevski, que daria a volta ao mundo. O espetáculo impressionou o capitão dos portos da época, que desde então organizou uma regata de saveiros. Em 1972, ganhou como patrono João Francisco de Oliveira Botas, conhecido por João das Botas, herói da Guerra da Independência na Bahia, que em 1823 enfrentou as forças navais de Portugal. Ele usou uma esquadra de canhoneiras e saveiros tripulada por 700 homens, originários da região do recôncavo baiano, cuja base era a Ilha de Itaparica.

43ª Regata João das Botas

25 de janeiro, domingo, a partir das 13 horas

Largada na praia do Porto da Barra

informações: (71) 3507 – 3777

Comente!

Campos requeridos estão marcados *.


Associação Viva Saveiro
info@vivasaveiro.org

siga a Viva Saveiro